Pesquisar este blog

Carregando...

Como lidar com o "nada"?



Existem coisas na fase da Terra que realmente não consigo entender, principalmente quando está ligada ao comportamento masculino. É fato que há alguns homens que não são muito admiradores de estarem presos em um relacionamento sério, com toda aquela papagaiada de se falar ao telefone com regularidade, ter os encontros esperados da semana e, sobretudo, obter a famosa “exclusividade” do parceiro e mais blá, blá, blá... Agora gente ajuda!!!! O que se faz com uma pessoa que quer tudo o que foi citado anteriormente com alguém, mas simplesmente não consegue usar a terminologia correta para definir a situação: NAMORO?

A única justificativa cabível ou menos neurótica, seria a do medo de compromisso! Assim como nós, mulheres desequilibradas, passamos por alguns relacionamentos que nos fizeram sofrer e tivemos receio de passar por tudo novamente, acredito que os homens por mais incrível que pareça, possam ter esse mesmo medo. Na ingenuidade deles, não ter “nada” oficialmente é um mecanismo de defesa para não sair depois ferido da relação. Uma coisa é fato: quando encontram alguém por quem sejam verdadeiramente apaixonados, repito apaixonados, creio que qualquer justificativa seja colocada em segundo plano.  Portanto, se não assumiu a relação, provavelmente é porque o sentimento não é suficiente para poder mudar seus planos.

A hora de encerrar um amor, ou um quase amor, é uma hora sagrada. Sinceridade sempre e completa. Sem perder ternuras. Mas com firmeza. Tomar um não faz parte. Eu tomei, você tomou, nós tomaremos. Dentro dos maiores clichês estão as supremas verdades. Gostar de alguém e não estar pronto pra esse alguém, isso faz parte. Tomar a atitude de dizer adeus e não olhar para trás que é difícil...

2 comentários:

Claudia Abrahão Ferreira disse...

Oi Dani, passei por aqui para conhecer seu Blog, obrigado por me seguir! Estou seguindo seu Blog. Um beijo.

Timido disse...

Eu sou mais fã do casamento, mas pronto... Ao contrário do que as meninas costumam dizer, os homens não são todos iguais, não é?

Postar um comentário

 
© Template Scrap Suave|desenho Templates e Acessórios| papeis Bel Vidotti